Pesquisar
Close this search box.

Como Ganhar de 3 a 15 mil por mês em casa (usando somente a Internet)

Veja o Que os Meus Alunos Estão Fazendo Para Ganhar de 3 a 15 mil por mês Trabalhando Por Conta Própria de Casa Usando Somente a Internet

Alex Vargas

Alex Vargas é empreendedor digital há mais de 17 anos. Desenvolveu dezenas de negócios na Internet. É criador de diversos treinamentos online, com destaque para o Fórmula Negócio Online que é considerado o treinamento mais indicado para quem quer começar um negócio do zero.

Contabilidade para Afiliados: Como Funciona

Sumário

Muita gente não sabe se o infoproduto é um serviço ou de fato um produto. Por isso, neste artigo vamos explicar tudo o que você precisa saber sobre Contabilidade para Afiliados.

Entenda que o infoproduto é um produto ligado à informação como um e-book, um curso, uma assinatura etc.

A grande maioria dos infoprodutos são serviços, quando vende um curso entrega somente um conteúdo não o material.

Existem muitas formas de entregar no serviço para o cliente final como em cursos mentoria, eventos presenciais e online.

Novo Curso GRÁTIS em Vídeo: Como Ser Afiliado e Vender na Internet

Como materializar a entrega de serviço?

Isso pode ser feito através de um e-book, porque ele pode ser baixado, a ação o torna um produto e muda até a questão da nota fiscal.

Os produtos que não têm e-book são emitidos como nota fiscal de serviço, mas quando existe um e-book você deve emitir outro tipo de nota fiscal, ou seja, a nota fiscal de produto.

Para isso é necessário ter uma inscrição estadual, pois será feita uma nota igual a de um produto físico.

É importante lembrar que na venda de e-books existem benefícios de redução tributária para infoprodutores. Mas, antes de se animar com a ideia, é preciso entender o conceito total para que não se tribute de forma errada e não corra o risco de pagar mais ou menos impostos.

É fundamental entender o conceito do que é e do que não é um e-book e do que é e do que não é um Infoproduto, somente assim terá sucesso com o lançamento e à venda dele.

O papel do infoprodutor e do afiliado

Será que terá mais vantagens atuando como um infoprodutor ou como afiliado?

O infoprodutor faz vendas de produtos digitais através da internet, produtos como planilha ebook, programas etc. A quantidade de coisas que é possível fazer como um infoprodutor é praticamente infinita.

Além de produzir e entregar essas coisas, pode optar por uma linha de produtos físicos vendidos na internet como um e-commerce.

Enquanto o produtor “fabrica”, o afiliado por sua vez somente vende esse produto, ele não fabrica nada, ele escolhe um produto através de uma plataforma como Eduzz, Monetizze ou Hotmart e começa a divulgar a venda do produto.

O afiliado tem um link correspondente a ele, quando alguém acessa o produto com aquele link e a venda é realizada, naquele momento o comissionamento que foi determinado anteriormente vai para afiliado. 

Existem muitas vantagens em trabalhar como afiliado, uma delas é que você não precisa ter um produto, isso elimina todo o trabalho que envolve como suporte para o cliente.

Além disso, na indicação do produto nas suas vendas, a tributação será muito menor que a do produtor. E é óbvio que o produtor vai ganhar mais, mas ele também tem mais gastos.

No faturamento acumulado em razão do Imposto progressivo que existe dentro do Simples Nacional ao longo do tempo pode ser que você ganhe muito bem ou até mesmo igual a um produtor.

Levando em consideração a complexidade de um produto, trabalhar como afiliado além de trazer uma tributação menor, exige menor estrutura.

Mesmo que os ganhos sejam menores, talvez seja uma ótima opção para você. 

Como em tudo na vida, existem vantagens e desvantagens: uma das desvantagens é que você não tem controle sobre o Infoproduto e o produtor a qualquer tempo pode trocar de plataforma, causar problemas na entrega e você terá que arcar com reembolsos para retirar o produto do ar ou até te desfiliar.

No caso de reembolso de produto, por exemplo, é descontado do comissionamento que o afiliado iria receber.

Para ser afiliado é preciso encontrar um produto na internet e fazer um processo minucioso de avaliação. Analisar se as estratégias do produtor são eficientes, se ele faz remarketing, se a copy dele é boa e quais os produtos que ele oferece tem a melhor conversão.

Existe uma série de fatores que deixam você na mão do infoprodutor.

Considere também que alguns infoprodutos performam mais que os outros e consequentemente você tem mais concorrência.

Atuar como afiliado é estar em terreno alugado e não ter controle sobre todas as situações.

Mas caso opte por ser um infoprodutor, terá obrigações que não teria como afiliado como fazer o tráfego, ter uma página de captura, fazer um bom funil de vendas etc.

Um produtor precisa de mais pessoas envolvidas nesse processo, ele precisa dar suporte para os afiliados, fazer tráfico de qualidade, construir as páginas, além de definir a melhor estratégia de um produto se é perpétuo ou lançamento.

O infoprodutor pode vender um produto hoje e ter que dar suporte a um aluno por mais 12 meses. No caso do afiliado, depois da venda o vínculo acabou, ele recebe o comissionamento e parte para a próxima venda.

O afiliado pode variar e trabalhar com produtos diferentes e o produtor muitas vezes não tem condição de fazer uma esteira.

É comum que o infoprodutor tenha um produto só no mercado e fique sempre em busca de melhorias para o mesmo produto.

Caso o afiliado opte por vender um produto e ele não trouxer retorno, ele pode partir para outra, outro ponto importante para trabalhar como afiliado é a habilidade de fazer tráfego, isso é indispensável para venda de infoprodutos.

É óbvio que o produtor pode vender mais e escalar mais, e não precisa ter afiliado se não quiser, ele pode vender sozinho; mas deve entender que vai pagar mais imposto pois será pago cobrado o valor cheio da nota. 

Nas duas situações existem prós e contras: o que se deve pensar é que é possível ter bons resultados nos dois lados,  entender a sua capacidade de atuar em cada uma das posições, seu grau de envolvimento,  estratégia,  o quanto vai investir de tempo e de estrutura.

Atuando como produtor ou afiliado é preciso ter um CNPJ?

Essa é uma dúvida comum! Saiba que como afiliado, atuando como Pessoa Física terá um limite de saque dentro da plataforma.

Na prática tributária se fosse analisar não existiria limite, porque numa relação entre Pessoa Física e Jurídica os tributos são retidos no imposto relativo ao INSS (Instituto Nacional do Seguro Social).

Porém os produtores estão cada dia mais cortando as relações com Pessoas Físicas e até não aceitam se relacionar, isso porque a plataforma não permite o desconto, ela retém o valor pago para afiliado e produtor fica com problema.

Então, considerando essa situação prática tributária, já haveria certa obrigatoriedade de CNPJ para se relacionar com o mercado de afiliados.

Profissionalização

Ao pedir uma afiliação como pessoa física você acaba não passando tanta credibilidade para o produtor como com um CNPJ, ele traz mais profissionalismo.

Portanto, mesmo que a plataforma permita que faça os saques é importante que tenha CNPJ.

Sob o ponto de vista tributário, se estiver vendendo nas três plataformas pode ter problemas se fizer saques para declarar o Imposto de Renda no ano seguinte.

Com CNPJ pode-se evitar vários problemas, existe sempre um cruzamento de informações se elas não baterem com certeza terá problema tributário no futuro.

Se você for um produtor considere que existe uma relação entre o cliente que comprou o produto na plataforma e o sistema de pagamento que utiliza.

Levando isso em consideração, existe a obrigatoriedade de emitir a nota fiscal para cada venda e para isso é preciso ter um CNPJ. Portanto, todo produtor deve ter um CNPJ, bastando abrir uma empresa.

E para abrir uma empresa é importante contar com uma contabilidade para infoprodutores, ela vai te ajudar a fazer tudo sobre o ponto de vista burocrático.

Quanto custa essa regularização?

Texto: Inicialmente o custo é em média de 6%, isso porque o afiliado não pode mais ser MEI.

Depois da abertura da empresa, é muito importante fazer o pagamento mensal dos impostos de forma regular. Sempre com uma contabilidade para infoprodutores especializada nos aspectos burocráticos do seu negócio digital.

Além da regularização é inevitável também fazer um planejamento tributário?

O planejamento tributário é muito importante, principalmente quando a empresa começa a performar melhor, fazer lançamentos e o faturamento recorrente maior.

Ao iniciar um negócio o empreendedor paga o valor de imposto progressivo, que varia de acordo com o faturamento dos últimos 12 meses e vai aumentando conforme o negócio cresce.

Por isso, o planejamento é muito importante!

Tributariamente existe a opção de 3 tipos de empresa:

  • Simples Nacional
  • Lucro Presumido
  • Lucro Real

Dentro de cada categoria, existem formas diferentes de classificar a empresa, onde permite o retorno maior da economia tributária.

É preciso ter cuidado para que o planejamento não seja descaracterizado no futuro.

Dentro do mercado digital é comum encontrar fragilidades no planejamento tributário onde existem estratégias altamente ineficazes. Como consequência disto, o produtor pode ter problemas com o fisco.

Caso o fisco descaracterize o planejamento tributário ele não cobra só a tributação, cobra também uma multa sobre esse planejamento. 

Isso também pode  levar a um processo criminal de sonegação fiscal.

Uma empresa séria de contabilidade para infoprodutores não vai fazer um planejamento tributário que pode ser caracterizado como sonegação fiscal, além de colocar essa empresa em risco ela coloca toda sua carteira em risco também.

O planejamento tributário errado pode ser muito perigoso. Existe o risco para o proprietário e também para o profissional contábil que está vendendo uma possibilidade tributária falsa e ilegal. 

Muitas pessoas enquadram uma empresa que vende cursos online e onde todo o contexto da venda de um curso online como ebook e tem uma manobra comum para uma redução tributária, mas isso não é um planejamento eficaz.

Existem outras maneiras legais de fazer o planejamento da sua empresa, elas podem não trazer redução a uma tributação de 6% mas serão reduzidas de forma segura.

Outra possibilidade é segregar o seu produto digital, assim estabelece-se uma relação adequada entre o que é de fato Infoproduto e que de fato e-book, há uma mescla e existe a emissão de nota fiscal de forma segura.

Uma classificação do seu produto incorreto pode fazer com que a Sefaz te autue e diga que você não pode nem ter inscrição estadual para essa atividade.

Ela pode até caracterizar de alguma forma a situação de crime.

O estado de São Paulo, bem como todos os outros, recebe a parcela dos impostos federais e a prefeitura também pode bater na sua porta e tentar entender porque você não paga o ISS.

Nunca abra mão da segurança dentro do seu negócio digital.

É preciso sempre do auxílio de uma empresa contábil responsável, para analisar as possibilidades dentro da área tributária e fazer um planejamento condizente que possam proporcionar uma carga tributária menor, porém segura.

Uma categorização agressiva pode colocar tudo que construiu até hoje em jogo.

Você pode incorrer em problemas criminais, trazer um grande problema para visão do seu produto, destruindo sua credibilidade e autoridade no mercado.

Se você tem um pequeno negócio provavelmente não vai ter condições de lidar com passivo tributário litigioso ou com uma assessoria advocatícia, que não é barata.

Avalie se vale a pena economizar hoje e gastar no futuro, além de gastar ter sérios problemas para ficar se defendendo.

Não se engane, o Brasil é um país dos mais complexos que existem, quando falamos da questão tributária, tenha uma assessoria que possa te apoiar e que seja realmente especializada.

Não acredite em promessas glamurosas, procure alguém que te mostra a realidade e que faça uma redução tributária condizente dentro do possível.

Vivemos uma grande aceleração no mercado digital e a Receita Federal está de olho nisso.

Como escolher a empresa de contabilidade correta 

Você deve observar o grau de experiência que as empresa contábil tem com o segmento de mercado que você atua.

Alguns segmentos não demandam tanta expertise pois são simples, temos muitas empresas contábeis especializadas em nichos que conhecem especificamente muito bem o mercado e que estão dispostas a atender.

O fator mais importante quando for procurar uma empresa especializada é encontrar aquela que vende entende o que você precisa de fato. Independente do seu tipo de negócio, foque em uma contabilidade especializada para evitar problemas e ganhar tempo.

O  preço do serviço contábil pode variar de acordo com tipo de atendimento, de suporte, se a empresa é tradicional ou digital.

Uma empresa digital consegue trabalhar com custo bem menor, e isso reflete no preço. Existe o modelo “faça você mesmo”, que seria modelo online, que ainda é mais barato mas esse é o modelo não é aconselhado, pois você fará tudo.

Além de gerar muito mais trabalho pode trazer problemas, você não tem expertise para fazer lançamentos e pode fazer coisas erradas.

Não existe milagre quando o assunto é preço, procure uma contabilidade que te auxilie e que faça o serviço contábil de fato para você.

Antes de contratar uma contabilidade avalie sua estrutura, afinal, isso faz toda diferença no atendimento do seu negócio. As empresas estruturadas darão suporte melhor, serão mais caras mas podem te atender melhor.

Com base nas suas necessidades, defina o que está disposto a contratar.

Entenda se a contabilidade, independente da sua estrutura, vai conseguir te atender plenamente e se a empresa contábil que escolhe atende especificamente o seu nicho.

Analise o formato que ela tem, sendo ele presencial ou online, garanta que atende às suas expectativas.

Entenda o que está procurando para conseguir encontrar uma empresa contábil que se encaixa com seu perfil.
Busque alguém que esteja alinhado com o que realmente precisa.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

INSCREVA-SE comece a ganhar dinheiro DE VERDADE NA INTERNET

EU SEI…Todo Mundo Fica Oferecendo “Coisas Grátis”, Mas Pode Ter Certeza, Esse Curso Gratuito é DIFERENTE de tudo o Que Você Já Viu!

Área de Membros - NucleoExpert

FREE
VIEW